Guia Turístico
Baía de Paranaguá

É a maior baía do Estado do Paraná, considerada a terceira de maior importância no País pelo seu estuário lagunar, além de ser cercada pela Serra do Mar, abriga extensas áreas de manguezais e remanescentes da Floresta Atlântica.

Comunidades Pesqueiras – Rede Caiçara

O projeto Rede Caiçara desenvolve o turismo de base comunitária em algumas comunidades caiçaras da baía de Paranaguá. Maiores informações sobre alimentação, hospedagem e roteiros no e-mail tursustentavel@gmail.com.

  • Ponta do Ubá

Localizada na parte central do Complexo Estuarino de Paranaguá, Ponta do Ubá é uma comunidade predominantemente formada por famílias de pescadores, que tiram das águas da baía de Paranaguá seu sustento.

  • São Miguel

Muito conhecida por sua hospitalidade singular, é uma comunidade que guarda tradições caiçaras como a Folia do Divino, a casa de farinha, as canoas de um tronco só.

  • Piaçaguera

O nome, de origem tupi, significa “o que foi caminho de passagem”, dentre suas riquezas estão a igreja antiga, um sambaqui indígena, as lendas do povo, além da natureza exuberante da baía.

  • Eufrasina

Localizada na porção mais oeste da baía de Paranaguá, Eufrasina tem uma riqueza natural única. Canoas, ilhas e a casa de farinha compõem a paisagem do local.

  • Ilha dos Valadares

Rica em história e cultura, é considerada um dos remanescentes de preservação da cultura caiçara. Conta com a tradição dos mestres de fandango que fazem sua música e a beleza cênica dos manguezais e do belíssimo “Mar de Lá”.

Ilha da Cotinga

No início da ocupação do Paraná, os primeiros colonizadores vindos de São Paulo, com a intenção de chegar a Paranaguá, ali se estabeleceram com receio dos índios carijós que dominavam a região. Até hoje, os índios habitam o cenário onde seus ancestrais nasceram.



Prefeitura Municipal de Paranaguá
Rua Júlia da Costa 322 - Centro Histórico
CEP: 83203-060 - Paranaguá - PR
CNPJ: 76.017.458/0001-15

© 2017 - Departamento de Tecnologia da Informação